Nova variante da Covid-19 com diversas mutações é identificada, alertam cientistas

 Nova variante da Covid-19 com diversas mutações é identificada, alertam cientistas
Digiqole ad

Pesquisadores estão alertando sobre a descoberta de uma nova variante da Covid-19 que carrega uma quantidade “extremamente alta” de mutações do vírus. A B.1.1.529 foi detectada pela primeira vez em Botswana e até o momento apenas 10 casos foram confirmados.

Segundo pesquisadores do Imperial College London, a preocupação é que essa Cepa, por conta de seu alto número de mutações em relação a versão do vírus descoberta originalmente, seja capaz de escapar da proteção concedida pela infecção pela Covid-19 ou até mesmo de algumas vacinas, mas isso ainda precisa ser confirmado. 

Três casos da Cepa foram identificados em Botswana, onde ela foi encontrada originalmente. No entanto, outros seis diagnósticos ocorreram na África do Sul e um em Hong Kong, de um viajante que voltava do país africano. Todos os casos foram confirmados por meio de sequenciamento genético.

O maior risco da nova variante é por conta das 32 mutações que ela possui na proteína Spike. É justamente essa parte do vírus que a maior parte das vacinas utiliza para que o sistema imunológico seja capaz de barrar a Covid-19. Ou seja, alterações nessas proteínas podem ser potencialmente perigosas.