Covid-19: Ceará registra três mortes causadas pelo novo vírus

 Covid-19: Ceará registra três mortes causadas pelo novo vírus
Digiqole ad

O Ceará registra três morte causadas por coronavírus, de acordo com informações da Secretaria Estadual de Saúde. A pasta havia informado duas mortes na tarde desta quinta e atualizou o número momentos depois.

As duas vítimas tinham mais de 70 anos. Uma delas morava em Fortaleza e estava internado no hospital São José. A vítima trabalhava, mantinha uma vida ativa e era portador de diabetes, mas era controlada. A outra vítima ainda não foi identificada.

Uma das vítimas foi um homem de 72 anos, que estava internado na UTI do Hospital São José de Doenças Infecciosas (HSJ) há cinco dias. Hipertenso e diabético, ele morreu na manhã de hoje por insuficiência respiratória. As outras pacientes eram mulheres com idade de 72 e 85 anos. Além de testar positivo para Covid-19, elas apresentavam doenças crônicas. Ambas foram atendidas em hospitais particulares. A Sesa ainda aguarda mais informações das unidades sobre os óbitos. Os três residiam em Fortaleza.

Durante a transmissão, Dr. Cabeto reforçou a importância das medidas de controle e prevenção da doença no Ceará.”Nós sabemos que temos que proteger principalmente os mais vulneráveis. Não se trata simplesmente de excluir o idoso em casa, até porque o jovem sai e volta para trabalhar. Então, esse momento inicial [de isolamento] tem sido eficiente e nós temos acompanhado de forma científica”, ressaltou o gestor.

Casos confirmados no Ceará

Até quinta-feira (26), o Ceará registrou 211 casos de coronavírus. 209 pessoas moram no Estado, uma em São Paulo e outra em Uberlândia (MG). Fortaleza concentra a maior parte de ocorrências da doença (196). Os dados constam no informe divulgado diariamente no site da Sesa e no site coronavirus.ceara.gov.br.

Medidas de prevenção e controle

O Governo do Ceará, por meio da Secretaria da Saúde do Estado, implementou diversas medidas voltadas ao enfrentamento da Covid-19. As ações têm como objetivo fortalecer a prevenção à doença e garantir um atendimento de qualidade para a população cearense.

A Comissão Intergestora Bipartite do Ceará (CIB/CE) aprovou os critérios de distribuição de recursos do Governo Federal para o Estado. A resolução 13/2020 da CIB assegura o repasse de R$ 18. 356.726,00 para o enfrentamento ao coronavírus . Liberado pelo Ministério da Saúde (MS), o recurso está sendo usado na compra de insumos e no custeio de despesas.

Por meio da resolução 14/2020, a CIB também aprovou a distribuição de R$ 25.998.669,23 para o combate à doença nos 184 municípios cearenses. O recurso será distribuído com base no número de habitantes de cada cidade em 2019, conforme levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A previsão é de que a verba seja repassada pelo Ministério da Saude nesta sexta-feira (27). Os repasses são resultado da articulação permanente do Governo do Ceará com o Ministério da Saúde.

As duas vítimas tinham mais de 70 anos. Uma delas morava em Fortaleza e estava internado no hospital São José. A vítima trabalhava, mantinha uma vida ativa e era portador de diabetes, mas era controlada. A outra vítima ainda não foi identificada.

No laudo da morte consta que o idoso morreu em decorrência de uma insuficiência respiratória causada por uma infecção pulmonar por Covid-19.

Casos no Ceará

O Ceará registra 211 casos do novo coronavírus, conforme boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual da Saúde (Sesa), no fim da tarde desta quarta-feira (25). O Ceará é o estado do Nordeste a concentrar o maior número de casos confirmados de coronavírus.

Além de Fortaleza, que apresenta 196 pessoas infectadas com o vírus, também há infectados nos municípios de Aquiraz (6), Sobral (4), Fortim (1), Mauriti (1) e Juazeiro do Norte (1). Outros dois casos são de residentes de outros estados, sendo um da capital de São Paulo e outro de Uberlândia, em Minas Gerais.