Bolsonaro promete criação do 13º para beneficiários do Bolsa Família
Sábado, 20 de outubro de 201820/10/2018
Trovoadas
11º
12º
18º
Ashburn - VA
dólar R$ 3,71
euro R$ 4,27
Mega Byte
POLÍTICA
Bolsonaro promete criação do 13º para beneficiários do Bolsa Família
Em vídeo no Facebook, candidato diz que aumentará o benefício combatendo as fraudes
Santa Quitéria Notícias Santa Quitéria - CE
Postada em 11/10/2018 ás 09h59
Bolsonaro promete criação do 13º para beneficiários do Bolsa Família


O presidente nacional do PSL, Gustavo Bebbiano, afirmou nesta quarta-feira (10) que, se eleito, o presidenciável do partido, Jair Bolsonaro, vai implementar um 13º salário para os beneficiários do programa Bolsa Família. Segundo o dirigente do PSL, a proposta estava prevista no plano de governo de Bolsonaro, mas foi a ideia foi confirmada definitivamente "agora".





O plano de governo do PSL não trata de concessão de 13º salário ao Bolsa Família, mas propõe "modernização e aprimoramento" do programa e do abono salarial "com vantagens para os beneficiários".






No mês passado, o candidato a vice na chapa de Bolsonaro, general Hamilton Mourão, críticou o 13º salário e o abono de férias durante uma palestra na Câmara de Dirigentes Lojistas de Uruguaiana (RS). Na ocasião, Mourão disse que os dois direitos trabalhistas – que ele classificou de “jabuticabas brasileiras” – são “uma mochila nas costas de todo empresário”, referindo-se a um peso para a iniciativa privada.





Diante da repercussão negativa da declaração de Mourão, Bolsonaro veio a público, durante o período em que estava internado em um hospital após ser vítima de um ataque, para desautorizar as falas do colega de chapa.




Na semana passada, entretanto, o vice de Bolsonaro voltou a criticar o benefício dos trabalhadores, ressaltando que tem empresa que fecha por não conseguir pagar o 13º e que o próprio governo enfrenta dificuldades, pois já chegou no limite e não pode mais emitir títulos sem entrar na chamada regra de ouro. De acordo com Mourão, se as pessoas recebessem o salário "condignamente", poderiam economizar e teriam mais no final do ano.


Ao falar com jornalistas nesta quarta após uma visita ao presidenciável do PSL no Rio de Janeiro, Gustavo Bebbiano afirmou que a proposta de estender o 13º salário ao Bolsa Família foi uma ideia de Mourão.




"Essa é uma notícia que a gente não iria divulgar agora, mas o capitão [Bolsonaro] decidiu que seria assim. É uma proposta que foi costurada, desenhada e pensada pelo general Mourão, que é a implementação de um 13º do Bolsa Família", disse o presidente do PSL.




"O Bolsa Família é pago em 12 parcelas, e nós vamos incluir no plano de governo o pagamento do 13º em dezembro", complementou.




Bebbiano não deu muitos detalhes sobre como funcionaria o 13º para o Bolsa Família, porém, adiantou que, talvez, o benefício extra aos beneficiários do programa de transferência de renda seria pago em novembro e dezembro, "talvez em duas parcelas". "Mas isso o Paulo Guedes vai definir no momento certo", acrescentou o presidente do PSL.




Entenda o Bolsa Família


O Bolsa Família é concedido a famílias que têm renda mensal por pessoa de até R$ 89, além daquelas com renda familiar mensal de até R$ 178 por pessoa e que tenham integrantes gestantes, crianças ou adolescentes.




O valor que cada beneficiário recebe varia de acordo com o número de pessoas na família, a idade de cada um e a renda declarada. Atualmente, o programa de transferência de renda do governo federal beneficia 13,7 milhões de família.




O Bolsa Família custou ao governo, em setembro, R$ 2,5 bilhões. O valor médio do benefício é de R$ 188,78.





 

FONTE: g1
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô: