“Não sou tão mau assim”, diz Bolsonaro na Record
Sábado, 20 de outubro de 201820/10/2018
Trovoadas
11º
12º
18º
Ashburn - VA
dólar R$ 3,71
euro R$ 4,27
Mega Byte
POLÍTICA
“Não sou tão mau assim”, diz Bolsonaro na Record
,
Santa Quitéria Notícias Santa Quitéria - CE
Postada em 05/10/2018 ás 08h17
“Não sou tão mau assim”, diz Bolsonaro na Record

Enquanto seus adversários faziam críticas em coro no debate da Globo, Jair Bolsonaro (PSL) estava no ar na Record, emissora do bispo Edir Macedo, que declarou apoio ao candidato nesta semana. A exibição da entrevista chegou a ser questionada no TSE por coligações concorrentes, mas liberada pelo TSE.


Foi a primeira entrevista concedida pelo candidato líder nas pesquisas desde que recebeu alta após a facada sofrida em setembro. Em sua casa no Rio, Bolsonaro declarou enfatizou que tem limitações impostas por ordem médica.


O candidato se defendeu das acusações de machista e homofóbico. “Será que sou tão mau assim? Que eu quero o mal de mulheres, dos negros, dos gays? Não é verdade. Sempre preguei a união de todos nós. Não sou tão mau assim. A esquerda nos dividiu e ficamos brigando entre nós”, disse, afirmando que pretende unir o País. “Proponho unir o povo brasileiro, enquanto a esquerda sempre tentou nos desunir”.


Ainda na pauta PT, Bolsonaro chamou Fernando Haddad de “fantoche de Lula” e parabenizou Antonio Palocci por sua delação. “Ele tenta corrigir seus erros com essas ações”, disse.


O presidenciável usou o espaço para reforçar suas pautas usuais, como revogação do estatuto do desarmamento e escolha de ministros sem interferência política. Ainda destacou que não “entende” muitas coisas, mas que terá gente de qualidade ao seu lado. Também se posicionou como “um soldado a serviço do Brasil”.


A íntegra da entrevista está disponível neste link

FONTE: Focus
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

imprimir
100