Suspeito de roubo de carros e clonagem de placas é preso em Fortaleza
Segunda, 19 de novembro de 201819/11/2018
Nublado
10º
Ashburn - VA
dólar R$ 3,74
euro R$ 4,27
Mega Byte
CEARÁ
Suspeito de roubo de carros e clonagem de placas é preso em Fortaleza
roubo de carros e clonagem de placas
Santa Quitéria Notícias Santa Quitéria - CE
Postada em 05/07/2018 ás 10h44 - atualizada em 05/07/2018 ás 14h24
Suspeito de roubo de carros e clonagem de placas é preso em Fortaleza

Um homem foi preso nesta quarta-feira (4) suspeito de furto e roubo de veículos e clonagem de placas. De acordo com o delegado Diego Barreto, da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas, o homem agia no Bairro Parquelândia e adjacências, em Fortaleza.


Com ele, a polícia encontrou dezenas de placas virgens e sete placas confeccionadas. As placas confeccionadas seriam colocadas em veículos já furtados ou roubados. “Ele era uma pessoa muito nociva à comunidade, porque costumava aliciar jovens da comunidade para trabalhar para eles, clonando as placas e roubando os veículos, bem como realizando tráfico de drogas”, diz o delegado. Durante a operação, a polícia encontrou 24,5 quilos de maconha enterradas no quintal da casa.


Também foi encontrada com o suspeito uma máquina de última geração que conseguia colocar os números nas placas virgens de uma forma rápida e moderna nas placas clonadas. “As placas de veículos encontradas com ele são originais, dentro do padrão. Elas podem ser daqui do Ceará ou de outros estados. Essas placas virgens podem ser rastreadas, pois possuem um número de série – em letras minúsculas – que nos mostra de onde ela veio”, explica o delegado Diego Barreto.

FONTE: G1
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

imprimir
357